• Hospital Bom Pastor Ijuí

Hospital Bom Pastor abre leitos de UTI Geral

Em 2021, o Hospital bom Pastor completou 40 anos de trabalho sério e comprometido com as causas da saúde. Com envolvimento da Diretoria, dedicação de seus médicos e funcionários, e o apoio da comunidade local e regional, trabalhou incansavelmente para melhor atender os pacientes. Desde o início da pandemia, o hospital atendeu a demanda de enfrentamento ao Covid 19, acolhendo o pedido do Governo do Estado estruturando leitos clínicos e de UTI para tratamento de pacientes Covid, aumentando sua equipe técnica.


O hospital ofertou à população e a região um trabalho em equipe humanizado, qualificado e multiprofissional, sempre pensando no bem estar geral do paciente. Com um índice de mortalidade baixo, o hospital comemora o elevado número de recuperação de pacientes Covid-19. Segundo o presidente do hospital, Martinho Kelm, em março de 2020, foi disponibilizado uma estrutura de 40 leitos clínicos para tratamento de pacientes vítimas do coronavírus e apresentado o projeto para 10 leitos de UTI COVID. O Bom Pastor também realizou investimentos na sua estrutura física implementando fluxos adequados, e reforçando a rede elétrica, a rede de gases medicinais e rede hidráulica, além de fazer investimentos em materiais, equipamentos, insumos hospitalares e EPIs para garantir a assistência aos pacientes e proteção das equipes que se encarregariam do atendimento.


O cenário pandêmico exigiu muito esforço físico e mental das equipes de saúde, que muitas vezes lidaram com a escassez de medicamentos especialmente dos sedativos, a sobrecarga da jornada de trabalho dos profissionais da linha de frente. Além disso a instituição enfrentou a insuficiência de ar comprimido no mercado na logística do abastecimento, o aumento exaustivo dos custos dos insumos hospitalares. O Hospital, através de recursos próprios, do Governo, de emendas parlamentares e doações, conseguiu manter uma assistência de qualidade e uma estrutura que oferecesse aos pacientes e equipe assistencial segurança e conforto. De dezembro de 2020 até dezembro de 2021 na UTI Covid foram atendidas 206 internações,168 altas e 75 óbitos. Já na Unidade 200 de novembro de 2020 até janeiro de 2021, foram 356 internações, 334 altas e 13 óbitos. O total de internações, somando UTI Covid e Unidade 200 é de 562 internações, 502 altas e 88 óbitos.


Com o avanço das pesquisas e disponibilidade de vacinas, os números de óbitos diminuíram consideravelmente. O Bom Pastor Ijuí continua na luta para combater a Covid-19, assim como as demais instituições hospitalares. Para a Diretora Executiva, Rosane Schiavo, a entrega rápida e excelente performance apresentada pelo hospital, principalmente neste momento pandêmico deve-se ao seu qualificado time de colaboradores, médicos, de dedicação da diretoria somado a intervenção dos órgãos públicos, conselhos municipais e regionais e apoio da comunidade, grande aliada dos projetos do Hospital Bom Pastor.


Conforme explica o médico intensivista e responsável técnico da UTI, Jeferson Pannebecker, ainda em dezembro de 2020 a UTI COVID abriu para socorrer não apenas Ijuí e região, mas todo estado de onde eram recebidos pacientes extremamente graves numa fase onde se tinha menos conhecimento e experiência com essa doença. “Avançamos no ano de 2021 que parecia interminável frente aos desafios a que fomos colocados à prova sempre contando com a expertise de uma equipe multidisciplinar fantástica que foi destaque com taxas de óbito entre as melhores do estado e país”.


No final de 2021, o projeto para a conversão da UTI foi colocado em prática. “Agora já em 2022 com a evolução da vacinação e do próprio vírus, com variantes se apresentando com formas menos graves essa pressão por leitos de terapia intensiva em COVID reduziram. Ao mesmo tempo a reabertura econômica e social fez recrudescer a demanda por leitos de UTI geral para as mais diversas patologias como politraumatismo, AVC e pós operatórios e dessa forma a transformação dessa UTI COVID em UTI GERAL se faz muito importante novamente não só para Ijuí mas toda região e estado”, destaca Jeferson.


A coordenadora da UTI, Taise Motke, avalia que os últimos dois anos foram períodos de muito trabalho, onde foi preciso montar uma UTI equipada e contratar mão de obra para operar com segurança. “Foi um grande crescimento para nós enquanto hospital que estávamos acostumados com a realidade da saúde mental, como para a equipe que foi desafiada a estar na linha de frente. A união interdisciplinar dos profissionais (enfermeiros, médicos, fisioterapeutas e técnicos de enfermagem), a força de vontade e o desejo de salvar vidas foram o ponto determinante e o combustível para que nós, vencêssemos um dia de cada vez. O Hospital Bom Pastor foi tão importante quanto os demais hospitais da cidade, pois operamos com capacidade máxima. Ter este espaço no hospital possibilitou ajudar as cidades abrangentes, reduzir a sobrecarga dos hospitais de grande porte e certamente a reduzir o índice de mortalidade”.


A conversão da UTI Covid em UTI Geral traz para a comunidade local e regional um novo espaço para atendimentos. “Hoje, com a baixa procura por leitos de UTI Covid, estamos tranquilos em fechar este ciclo e começar uma nova jornada. Assim poderemos continuar nosso crescimento enquanto hospital, aumentando a complexidade das cirurgias realizadas na instituição, auxiliando o estado oferecendo mais leitos de UTI, para que não haja fila de espera por leitos dessa complexidade”, afirma Taise.


Para a fisioterapeuta da UTI, Ana Buzanello, a UTI Covid do Bom Pastor trouxe alívio e conforto para a população e veio para somar as demais instituições de saúde de Ijuí. “Foram dias conturbados, estressantes e exaustivos, mas sempre conseguimos entregar o melhor de nós a cada paciente e familiares que passaram por aqui. Tivemos ganhos e perdas, ganhos que deixavam a equipe e os familiares em êxtase, assim como perdas que desanimavam a todos, mas que mesmo desanimados e tristes tínhamos que continuar a empreitada por que tínhamos mais pessoas dependendo de nós, do nosso trabalho e da nossa entrega. Após esse período de aprendizado, fomos capazes de continuar a caminhada nessa nova fase da instituição que é a habilitação de leitos de UTI GERAL, podendo continuar a entrega efetiva aos pacientes e familiares que precisarem de nossos serviços especializados e qualificados”.


A habilitação da UTI geral do Hospital Bom Pastor contribui de maneira positiva na saúde da comunidade que muitas vezes sofre pela espera por cirurgias e/ou falta de leitos para o melhor tratamento de saúde da população e seus familiares.







107 visualizações0 comentário